“MEMENTO, HOMO, QUIíA PULVIS ES ET IN PULVEREM REVERTERIS. ”

''REVERTERE AD LOCVM TVVM'

'Retornarás de onde vieste'


ARTE TUMULAR

Existe um tipo de arte que poucas pessoas conhecem, a chamada arte tumular. Deixando-se de lado o preconceito e a superstição, encontraremos nos cemitérios, trabalhos esculpidos em granito, mármore e bronze de personalidades que marcaram época. É um verdadeiro acervo escultórico e arquitetônico a céu aberto, guardando os restos mortais de muitas personalidades imortais de nossa história, onde a morte se torna um grande espetáculo da vida neste lugar de maravilhosas obras de arte e de grande valor histórico e cultural. Através da representação, a simbologia de saudades, amor, tristeza, nobreza, respeito, inocência, sofrimento, dor, reflexão, arrependimento, dá sentido às vidas passadas. No cemitério, a arte tumular é uma forma de cultura preservada no silencio e que não deverá ser temida, mas sim contempladas.



PESQUISAR: COLOQUE O NOME DO PERSONAGEM

25 de out de 2017

ZSA ZSA GABOR - Arte Tumular - 1160 - Westwood Memorial Park Los Angeles Los Angeles County California, USA





Cemitério

ARTE TUMULAR
Placa de mármore  com o seu nome e datas gravados no gramado do cemitério.

Local: Westwood Memorial Park Los Angeles Los Angeles County California, USA
GPS (lat/lon):   34.05874, -118.44173
Fotos: Findagrave
Descrição tumular: Helio Rubiales




Zsa Zsa Gábor
em húngaroGábor Zsazsa
Zsa Zsa Gabor (c.1959)
Nascimento6 de fevereiro de 1917
Budapeste
Império Austro-Húngaro
(atual Hungria)
Morte18 de dezembro de 2016 (99 anos)
Los AngelesCalifórniaEstados Unidos
ResidênciaBel Air (Los Angeles)CalifórniaEstados Unidos
Nacionalidadehúngara-americana
ParentescoJolie Gabor(1896-1997)
Vilmos Gabor(1881–1962)
(pais)
Eva Gabor(1919-1995)
Magda Gabor(1915-1997)
(irmãs)
CônjugeBurhan Asaf Belge
(1937–41; divorciada)
Conrad Hilton
(1942–46; divorciada)
George Sanders
(1949–54; divorciada)
Herbert Hutner
(1962–66; divorciada)
Joshua S. Cosden, Jr.
(1966–67; divorciada)
Jack Ryan
(1975–76; divorciada)
Michael O'Hara
(1976–83; divorciada)
Felipe de Alba
(1983; anulado)
Frédéric von Anhalt
(1986–2016)
Filho(s)Constance Francesca Hilton (1947-2015)
OcupaçãoAtriz
Empresária
Socialite
Religiãojudaica
PERSONAGEM
Zsa Zsa Gabor [ʒɒ ʒɒ ˈɡaːbor], pseudônimo de 'Sári Gábor', (Budapeste, 6 de fevereiro de 1917 – Los Angeles, 18 de dezembro de 2016 ), foi uma atriz e socialite austro-húngara radicada nos Estados Unidos. Em 1936, ganhou uma competição de beleza em seu país. Apareceu em diversos filmes como Moulin Rouge (1952), Lili (1953), e em muitos outros. Fez também teatro e televisão nas séries Batman (1968), The Fresh Prince of Bel-Air (1991), entre outros. Foi a última entre as irmãs (e também atrizes) Magda Gabor e Eva Gabor a falecer.
Morreu aos 99 anos de idade.

SINOPSE BIBLIOGRÁFICA
Depois de ser eleita miss na Hungria, virou atriz de cinema e em televisão nos Estados Unidos. A sua vida pessoal, porém, deu-lhe mais espaço na mídia do que seus trabalhos para cinema e televisão.

Teve nove maridos, sete divórcios e uma anulação. Em 1937, casa-se com um ministro turco muito mais velho, chamando a atenção do presidente Ataturk, com quem teria tido um caso.

Em 1942, nos Estados Unidos, casa-se, com o milionário Conrad Hilton, fundador da cadeia de hotéis Hilton com quem teve a sua única filha, Francesca Hilton.

O marido seguinte foi o ator George Sanders. Depois de oito casamentos com curtas durações, conheceu Frederico de Anhalt, um filho adotado da Princesa Maria Augusta de Saxe-Altemburgo e Anhalt, e com quem se manteve casada desde 1986. No cinema, seus pontos mais altos foram ao lado de John Huston, com quem filmou Moulin Rouge, em 1952, e Orson Welles, em A Marca da Maldade, de 1958.

Dentre os fatos escandalosos da biografia de Zsa Zsa Gabor, estão uma condenação a três dias de prisão por agredir um policial em Beverly Hills e outra a 120 horas de trabalho comunitário num abrigo para mulheres.

Em 27 de novembro de 2002, Gabor sofreu um acidente de automóvel em Los Angeles. Depois, em 2005, sofreu uma cirurgia para desobstrução de uma artéria. A 17 de julho de 2010, Gabor fraturou a anca e foi sujeita a uma cirurgia reconstrutiva da qual teve alta hospitalar menos de um mês depois, a 11 de agosto. Mas, no dia 13 de agosto, a atriz voltou a ser hospitalizada com hemorragias e dores fortes, sintomas que alegadamente terão surgido como complicações da primeira cirurgia. Zsa Zsa deu entrada ao hospital no dia 2 de janeiro de 2011, e os médicos que analisaram sua lesão acharam melhor amputar sua perna direita antes que a gangrena aumentasse. No ano anterior, os médicos já haviam anunciado que a perna deveria ser amputada, mas Zsa Zsa Gabor preferiu esperar o término das festas de fim de ano.



MORTE
Zsa Zsa Gabor morreu na sua mansão em Bel Air, Los Angeles, arredores de Hollywood, em 18 de dezembro de 2016, aos 99 anos, em decorrência de um ataque cardíaco. À imprensa, após uma missa realizada na Igreja do Bom Pastor,em Beverly Hills, em 30 de dezembro de 2016, o viúvo de Gábor, Frédéric von Anhalt, manifestou o desejo de enterrar as cinzas da esposa junto aos restos mortais de seu sogro, Vilmos Gábor, em Budapeste, Hungria. A única filha de Zsa Zsa, Constance Francesca Hilton (1947-2015), sua mãe, Jolie Gábor (1896-1997), e suas irmãs, Eva Gabor (1919-1995) e Magda Gábor (1915-1997) encontram-se sepultadas em cemitérios da Califórnia. Zsa Zsa Gabor completaria 100 anos em fevereiro de 2017.

Fonte: pt.wikipedia.org
Formatação: Helio Rubiales

Nenhum comentário: