“MEMENTO, HOMO, QUIíA PULVIS ES ET IN PULVEREM REVERTERIS. ”

''REVERTERE AD LOCVM TVVM'

'Retornarás de onde vieste'


ARTE TUMULAR

Existe um tipo de arte que poucas pessoas conhecem, a chamada arte tumular. Deixando-se de lado o preconceito e a superstição, encontraremos nos cemitérios, trabalhos esculpidos em granito, mármore e bronze de personalidades que marcaram época. É um verdadeiro acervo escultórico e arquitetônico a céu aberto, guardando os restos mortais de muitas personalidades imortais de nossa história, onde a morte se torna um grande espetáculo da vida neste lugar de maravilhosas obras de arte e de grande valor histórico e cultural. Através da representação, a simbologia de saudades, amor, tristeza, nobreza, respeito, inocência, sofrimento, dor, reflexão, arrependimento, dá sentido às vidas passadas. No cemitério, a arte tumular é uma forma de cultura preservada no silencio e que não deverá ser temida, mas sim contempladas.



TRADUTOR

English French German Spain Italian Dutch
Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified
By Ferramentas Blog

PESQUISAR: COLOQUE O NOME DO PERSONAGEM

24 de jun de 2019

NÉSTOR KIRCHNER - Arte Tumular - 1462 - Cementerio de Río Gallegos (Santa Cruz) Río Gallegos, Departamento de Güer Aike, Santa Cruz, Argentina


PRESIDENTE ARGENTINO

Vista geral



Interior

Vídeo do interior

MAUSOLÉU

O Mausoléu de Néstor Kirchner  foi construído em 2011 , um ano após a morte e funeral do ex-presidente argentino, que governou entre 2003 e 2007 . 
Mede 13 metros de comprimento, 15 metros de largura e 11 metros de altura. 
 Depois de uma porta de madeira, você acessa uma escada em espiral que leva ao primeiro andar. De lá, e olhando através de uma estrutura de vidro circular, você pode ver o caixão do ex-chefe de estado, localizado centralmente no piso térreo, coberto com uma bandeira argentina. 
 Na caixa há também uma camisa Racing, o clube de futebol do qual Kirchner era fã, um rosário, uma flor e os lenços brancos das Mães e Avós da Plaza de Mayo. 
Atrás do caixão, há uma gigantesca cruz de madeira, do lado de fora, o complexo de 65 metros quadrados é completado por um mastro gigante com uma bandeira argentina em chamas e duas chamas votivas. A estrutura triangular que representa a forma do território argentino e uma fonte 

Local:  Cementerio de Río Gallegos (Santa Cruz) Río Gallegos, Departamento de Güer Aike, Santa                Cruz, Argentina
            PLOT President Néstor Carlos Kirchner's Mausoleum
           Coordenadas: 51°38'10.0"S 69°13'17.0"W

Construtor: Lázaro Báez
Fotos: Wikipedia e internet
Fonte: pt.wikipedia.org
Descrição tumular: Helio Rubiales

Néstor Kirchner
54° Presidente da Argentina
Período25 de maio de 2003
até 10 de dezembro de 2007
Vice-presidenteDaniel Scioli
AntecessorEduardo Duhalde
SucessorCristina Kirchner
Primeiro-cavalheiro da Argentina
Período10 de dezembro de 2007
até 27 de outubro de 2010
AntecessorCristina Kirchner
SucessorJuliana Awada Macri
Secretário-geral da União de Nações Sul-Americanas
Período4 de maio de 2010
até 27 de outubro de 2010
AntecessorCargo criado
SucessorMaría Emma Mejía
Presidente do Partido Justicialista
Período11 de novembro de 2009
até 27 de outubro de 2010
AntecessorDaniel Scioli
SucessorDaniel Scioli
Período25 de abril de 2008
até 29 de junho de 2009
AntecessorRamón Ruiz
SucessorDaniel Scioli
Governador de Santa Cruz
Período10 de dezembro de 1991
até 25 de maio de 2003
Vice-governadorEduardo Arnold (1991–1999)
Héctor Icazuriaga (1999–2003)
AntecessorRicardo del Val
SucessorHéctor Icazuriaga
Prefeito de Río Gallegos
Período10 de dezembro de 1987
até 10 de dezembro de 1991
AntecessorJorge Marcelo Cepernic
SucessorAlfredo Anselmo Martínez
Dados pessoais
Nome completoNéstor Carlos Kirchner
Nascimento25 de fevereiro de 1950
Río GallegosSanta CruzArgentina
Morte27 de outubro de 2010 (60 anos)
El Calafate, Santa Cruz, Argentina
Nacionalidadeargentino
Alma materUniversidade Nacional de La Plata
EsposaCristina Fernández (1975 – 2010)
Filhos2
PartidoJusticialista
ProfissãoAdvogado
AssinaturaAssinatura de Néstor Kirchner

PERSONAGEM
Néstor Carlos Kirchner (Pronúncia espanhola: [ˈnestoɾ ˈkaɾlos ˈkiɾʃneɾ]; Río Gallegos, 25 de fevereiro de 1950 — El Calafate, 27 de outubro de 2010) foi um advogado e político argentino, que serviu como presidente de seu país de 2003 a 2007 e governador de Santa Cruz de 1991 a 2003. Ideologicamente peronista e social-democrata, também foi presidente do Partido Justicialista entre 2008 e 2010, e sua abordagem política foi caracterizada como Kirchnerismo.
Morreu aos 60 anos.



SINOPSE BIBLIOGRÁFRICA
Nascido na província de Santa Cruz, Kirchner estudou direito na Universidade Nacional de La Plata. Nesta época, conheceu e se casou com Cristina Fernández, com quem voltou para Río Gallegos após a formatura e abriu um escritório de advocacia. Os comentaristas o criticaram pela falta de ativismo legal durante a Guerra Suja, uma questão que se envolveu como presidente.

Kirchner concorreu para prefeito de Río Gallegos em 1987 e para governador de Santa Cruz em 1991. Foi reeleito governador em 1995 e 1999 devido a uma alteração da constituição provincial.

Kirchner tomou partido do governador da província de Buenos Aires, Eduardo Duhalde, contra o presidente Carlos Menem. Embora Duhalde tenha perdido a eleição presidencial de 1999, ele foi nomeado presidente pelo Congresso quando os presidentes anteriores Fernando de la Rúa e Adolfo Rodríguez Saá renunciaram em meio aos protestos de dezembro de 2001.

Duhalde sugeriu que Kirchner concorresse à presidência em 2003, com o objetivo de evitar o retorno de Menem ao cargo. Menem ganhou uma pluralidade de votos no primeiro turno da eleição presidencial, mas, temendo que perderia no turno, abandou a disputa, fazendo com que Kirchner se tornasse presidente.
Kirchner assumiu o cargo em 25 de maio de 2003.

Roberto Lavagna, creditado pela recuperação econômica durante a presidência de Duhalde, foi retido como ministro da Economia e continuou suas políticas econômicas. A Argentina negociou uma permuta para sua dívida nacional e reembolsou o Fundo Monetário Internacional. O Instituto Nacional de Estatística e Censos da Argentina interveio para subestimar a crescente inflação. Vários juízes da Suprema Corte demitiram-se enquanto temiam o impeachment e novos juízes foram nomeados.

A anistia por crimes cometidos durante a Guerra Suja na aplicação das leis de Ponto Final e Obediência Devida e os indultos presidenciais foram revogados e declarados inconstitucionais. Isso levou a novos julgamentos para os militares que serviram durante a década de 1970.

A Argentina aumentou sua integração com outros países latino-americanos, interrompendo seu alinhamento automático com os Estados Unidos, como ocorrido na década de 1990. As eleições de meio de mandato de 2005 foram uma vitória para Kirchner e sinalizaram o fim da supremacia de Duhalde na província de Buenos Aires.

Em vez de tentar a reeleição, Kirchner se afastou em 2007 em apoio à sua esposa, que foi eleita presidente. Ele participou da fracassada Operação Emmanuel para libertar reféns das FARC e foi derrotado por pouco nas eleições de meio de mandato de 2009 para a Câmara dos Deputados na Província de Buenos Aires.

Kirchner foi nomeado secretário-geral da UNASUL em 2010. Ele e sua esposa estiveram envolvidos (diretamente ou por meio de seus assessores próximos) no escândalo político conhecido como "Rota do Dinheiro K".

MORTE
Kirchner morreu em 27 de outubro de 2010, aos 60 anos de idade. Era um feriado nacional para o Instituto Nacional de Estatística e Censos da Argentina realizar um censo, então ele estava em sua casa em El Calafate. Após uma parada cardíaca, Kirchner foi apressadamente levado para um hospital local e foi declarado morto às 9:15 da manhã. Ele havia sido submetido a dois procedimentos médicos naquele ano: uma cirurgia em sua artéria carótida direita em fevereiro e uma angioplastia em setembro. Sua morte foi uma surpresa para a população argentina, a quem Kirchner sempre ilustrou seus problemas cardíacos como não muito graves. O corpo foi levado para a Casa Rosada, a sede da presidência, para um funeral de Estado, e três dias de luto nacional foram declarados. Milhares de pessoas compareceram ao funeral, apesar das fortes chuvas. De acordo com relatos da mídia, mil pessoas por hora entraram na Casa Rosada em grupos de cem a 150. Cristina Kirchner, vestida de luto, estava ao lado do caixão. As pessoas trouxeram velas, bandeiras e flores, algumas das quais Cristina aceitou pessoalmente. A morte de Kirchner provocou reações internacionais momentos depois que foi anunciada, com o Brasil e a Venezuela também declarando três dias de luto nacional. O presidente colombiano Juan Manuel Santos e a Organização dos Estados Americanos declararam um momento de silêncio, e o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, enviou suas condolências. Os participantes do funeral de Kirchner incluíram Chávez e Lula.

Fonte: pt.wikipedia.org
Formatação: Helio Rubiales

23 de jun de 2019

PETER LAWFORD - Arte Tumular - 1461 - Westwood Memorial Park Los Angeles, Los Angeles County, California, USA

ATOR MEMBRO DO RAT PACK




ARTE TUMULAR
Cenotáfio, placa de bronze com o seu nome e datas

Local: * Westwood Memorial Park Los Angeles, Los Angeles County, California, USA
           * This is the original burial site
Fotos: Find a Grave
Descrição tumular> Helio Rubiales


Peter Lawford
Peter Lawford em 1955.
Nome completoPeter Sydney Ernest Aylen
Nascimento07 de setembro de 1923
LondresInglaterraReino Unido
Nacionalidade Reino Unido
Morte24 de dezembro de 1984 (61 anos)
Los AngelesCalifórniaEstados Unidos
OcupaçãoAtorprodutor de cinema
Atividade1930 - 1983
CônjugePatricia Kennedy Lawford (1954-1966 divorciado)
Mary Rowan (1971-1975 divorciado)
Deborah Gould (1976-1977 divorciado)
Patricia Seaton (1984-1984)
IMDb(inglês)
PERSONAGEM
 Peter Lawford cujo nome verdadeiro era Peter Sydney Ernest Aylen (Londres, 7 de setembro de 1923 — Los Angeles, 24 de dezembro de 1984) foi um ator norte-americano, nascido na Inglaterra.
Morreu aos 61 anos.



SINOPSE BIBLIOGRÁFICA
Aos sete anos fez sua primeira aparição no cinema em Poor Old Bill. Aos treze anos conhece Hollywood e consegue o papel de um dos seis garotos em Lord Jeff. Seu pai era oficial britânico e a família vivia em constantes viagens. Isso o afastaria de novas oportunidades no cinema e, com a chegada da Segunda Guerra Mundial, foi trabalhar como qualquer rapaz de classe média.

 O fascínio pelo cinema o fez voltar a Hollywood em fins de 1940, onde. em 1942, participou de White Cliffs of Dover, da Metro. Contratado pelo estúdio, fez vários filmes de sucesso a partir de 1944. Ele se desligou da companhia em 1951 e foi fazer televisão.
Atuou em mais de 60 filmes
Por sua contribuição para a indústria televisiva, Peter Lawford tem uma estrela na Calçada da Fama de Hollywood, localizada na 6920 Hollywood Blvd.

CASAMENTOS
Em 1954 casou com Patricia Kennedy Lawford, irmã do futuro presidente dos Estados Unidos, John Kennedy, com quem teve quatro filhos e de quem se divorciou em 1966. Lawford se casou novamente em 1971, com a dançarina Mary Rowan e, em 1976, com Deborah Gould. Patricia Seaton foi sua quarta esposa, e com ela se casou em julho de 1984 e viveu até a sua morte em dezembro do mesmo ano.

FRANK SINATRA E O RAT PACK


Membros do " Rat Pack ", LR: Frank Sinatra , Dean Martin , Sammy Davis Jr. , Lawford e Joey Bishop 

Em 1959, Sinatra convidou Lawford para se juntar ao " Rat Pack " e também conseguiu um papel em Never So Few (1959). Peter Lawford e Sinatra apareceram em Oceans 11 (1960). Lawford foi informado pela primeira vez sobre a história básica do filme do diretor Gilbert Kay, que ouviu a ideia de um atendente de posto de gasolina. Lawford eventualmente comprou os direitos em 1958, imaginando William Holden na liderança.  Sinatra se interessou pela ideia, e vários escritores trabalharam no projeto. Lawford interpretou um soldado britânico no aclamado drama Exodus (1960), dirigido por Israel, para Otto Preminger e fez uma participação especial em Pepe (1960). Em 1960, tornou-se cidadão americano e ajudou nas eleições presidenciais bem-sucedidas de seu cunhado.  Ele fez um remake de TV de The Farmer's Daughter (1962) com Lee Remick e se reuniu com o Rat Pack em Sargentos 3 (1962). Lawford desempenhou um senador em Advise & Consent (1962) para Preminger e foi Lord Lovat em The Longest Day (1962), um filme de guerra com um elenco repleto de estrelas.

MORTE
Lawford morreu no Centro Médico Cedars-Sinai, em Los Angeles, na véspera de Natal de 1984, aos 61 anos, vítima de parada cardíaca. Ele sofria de insuficiência renal e hepática após anos de abuso de substâncias.  Seu corpo foi cremado e suas cinzas foram enterradas no Cemitério Westwood Village Memorial Park .  Devido a uma disputa entre sua viúva e o cemitério, as cinzas de Lawford foram removidas do cemitério em 1988 e espalhadas no Oceano Pacífico ao largo da costa da Califórnia por sua viúva Patricia Seaton Lawford, que convidou o tablóide National Enquirer a fotografar evento.  Uma placa com o nome de Lawford foi erguida no Westwood Village Memorial Park

Fonte: pt.wikipedia.org
Formatação: Helio Rubiales

20 de jun de 2019

MEMORIAL DOS DEFENSORES DO ÁLAMO - Arte Tumular - 1460 - San Antonio , Condado de Bexar , Texas , EUA



Vista lateral direita
Vista frontal

Vista da lateral esquerda

Parte posterior

Local:  San Antonio , Condado de Bexar , Texas , EUA
Escultor: Pompeo Coppini
Fotos: Wikipedia e internet
Descrição Memorial: Helio Rubiales

ALAMO CENOTÁFIO
 O Alamo Cenotáfio , também conhecido como o Espírito do Sacrifício , é um monumento em San Antonio , Texas , Estados Unidos , que comemora a Batalha do Álamo da Revolução do Texas , que foi travada na adjacente Missão Alamo . O monumento foi erigido em comemoração ao centenário da batalha e traz os nomes dos que se sabe que lutaram lá no lado do Texas.  Tratasse de um cenotáfio, isto é, uma estrutura erguida em homenagem a alguém cujos restos mortais estão em outro lugar. 




DESCRIÇÃO DO MEMORIAL
 O poço se eleva a vinte metros de sua base e tem quarenta metros de comprimento e doze pés de largura. O monumento foi erguido em mármore cinza da Geórgia e granito rosa do Texas. Foi intitulado O Espírito do Sacrifício e incorpora imagens dos líderes da guarnição Alamo e 187 nomes de conhecidos defensores do Álamo, derivados da pesquisa da historiadora Amelia Williams. 
Pesquisas posteriores mostraram que alguns listados no cenotáfio não estavam lá, e o total de combatentes da Alamo aumentou com pesquisas mais recentes.

Vista da lateral direita

Vista da lateral esquerda

Vista da parte posterior

INSCRIÇÃO NA BASE
 O marcador no cenotáfio diz: 
 Erguido em memória dos heróis que sacrificaram suas vidas no Alamo, 6 de março de 1836, na defesa do Texas. Eles escolheram nunca se render ou recuar; esses corajosos corações, com a bandeira ainda orgulhosamente acenando, pereceram nas chamas da imortalidade que seu alto sacrifício poderia levar à fundação deste Texas. 



BATALHA DO ÁLAMO
  Depois de derrubar a resistência em outras regiões do México, na primavera de 1836, Santa Anna liderou um exército mexicano de volta ao Texas e marchou em San Antonio, com a intenção de vingar a derrota humilhante de Cos e acabar com a rebelião texana. O líder texano Sam Houston , acreditando que San Antonio não poderia ser defendido contra um esforço determinado do exército regular mexicano, pediu que as forças texanas abandonassem a cidade. 






 Uma força voluntária sob o comando conjunto de William Barrett Travis , recém-chegado ao Texas, e James Bowie , incluindo Davy Crockett e sua companhia de Tennesseans, e a companhia de voluntários hispânicos texanos de Juan Seguin ocuparam e fortaleceram a missão deserta e determinados a Segure San Antonio contra toda a oposição. 




 Os defensores do Alamo incluíam tanto anglo-saxões como hispânicos que lutaram lado a lado sob uma bandeira que era a bandeira do México com os numerais "1824" sobrepostos. Isto foi feito para indicar que os defensores estavam lutando por seus direitos ao governo democrático sob a constituição mexicana daquele ano. Foi somente durante o cerco que o Congresso do Texas declarou uma República do Texas independente . 

 A Batalha do Alamo aconteceu de 23 de fevereiro a 6 de março de 1836. Inicialmente, a batalha era basicamente um cerco marcado por duelos de artilharia e pequenas escaramuças. Depois de doze dias, Santa Anna, cansada de esperar por sua artilharia pesada e ansiosa por uma vitória gloriosa para melhorar sua reputação, decidida a tomar o Álamo pela tempestade. 



Data
Local
Atual San AntonioTexas
Desfecho
Vitória mexicana
Beligerantes
Comandantes
Forças
1 800[1]
185–260[1]
Baixas
400 a 600 mortos e feridos[1]
182–257[1]

 Antes do amanhecer de 6 de março, ele lançou suas tropas contra as paredes do Álamo em três ataques separados. O terceiro ataque dominou as defesas da fraca muralha norte. Os defensores se retiraram para o agora famoso Long Barracks e a Capela e lutaram até o último homem. A maioria dos historiadores concorda que alguns dos defensores foram capturados, mas foram executados como rebeldes nas ordens específicas de Santa Anna. As mortes desses "Mártires à Independência do Texas" inspiraram uma maior resistência ao regime de Santa Anna, e o grito "Remember the Alamo" se tornou o ponto de encontro da Revolução do Texas .

Fonte: pt.wikipedia.org
Formatação: Helio Rubiales

17 de jun de 2019

MONUMENTO DO TUMULO DO SOLDADO DESCONHECIDO RUSSO - Arte Tumular - 1459 - Muro do Kremlin, Jardim Aleksandrovsk, Moscou






O Túmulo do Soldado Desconhecido russo está localizado ao lado do Muro do Kremlin,  no interior dos Jardins  de Alexandre, em Moscou, foi erguido  em 1967. O primeiro magistrado da Nação acendeu a Chama Eterna, símbolo dos soldados tombados na Guerra do povo soviético contra os invasores nazi-fascistas, a qual hoje reocupou sua morada histórica no Jardim “Aleksandrovski” depois de transportada em um veículo blindado do Morro da Reverência, seu abrigo provisório, para onde havia sido transferida enquanto durassem as obras de restauro do complexo memorial para as comemorações do 65º aniversário do fim da guerra.




DESCRIÇÃO TUMULAR
Base tumular retangular em granito polido marrom representando um sarcófago. Do lado direito, em bronze, uma bandeira pende na borda sobreposta por um capacete de combate. Na frente, num quadrado rebaixado, placas de bronze colocadas no piso com uma grande pira em forma de estrela  de cinco pontas no centro  com a seguinte inscrição:
“Seu nome é desconhecido, seu feito é imortal”.

LOCAL: Muro do Kremlin, Jardim Aleksandrovsk, Moscou
Fotos:P.P.Dondelli
Descrição Tumular:Helio Rubiales

MARIE DUPLESSIS - Arte Tumular - 1458 - Cimetiere de Montmartre Paris , cidade de Paris , Île-de-France , França

PERSONIFICAÇÃO DA DAMA DAS CAMÉLIAS 



ARTE TUMULAR
Base tumular em mármore retangular suportando uma construção em formato de urna. Na lateral destaca-se o seu nome gravado sobre o mármore

Local:  Cimetiere de Montmartre Paris , cidade de Paris , Île-de-France , França
            Divisão 15
Fotos: Find a Grave
Descrição tumular: Helio Rubiales


Marie Duplessis
Nascimento15 de janeiro de 1824
Nonant-le-Pin
Morte3 de fevereiro de 1847 (23 anos)
Paris
SepultamentoCemitério de Montmartre
CidadaniaFrança
Ocupaçãocortesã
Causa da mortetuberculose

PERSONAGEM
Marie Duplessis, nascida Rose Alphonsine Plessis, (Nonant-le-Pin, 15 de janeiro de 1824 — Paris, 3 de fevereiro de 1847) foi uma cortesã francesa que serviu de inspiração para a personagem Marguerite Gautier, no romance "A Dama das Camélias", por Alexandre Dumas Filho.
Morreu aos 23 anos.



SINOPSE BIBLIOGRÁFICA
Filha de um camponês alcoólatra de vida escandalosa, com a morte da mãe, ainda criança, ficou à mercê do pai. Em 1838, com 14 anos, se mudou para Paris e trabalhou como costureira. Ambiciosa, percebeu que era grande sua capacidade de atrair homens, assim se tornou logo uma cortesã de Luxo. Foi levada às rodas de nobreza de Paris, pelo Duque de Guiche. Alphonsine quis refinar-se, aprendeu como ser uma dama, teve aulas de dança e etiqueta, pelas mãos do Duque. Nessa época que adotou o nome de Marie Duplessis, por achar o nome mais elegante.

Nunca lhe faltaram amantes. Passou a ser sustentada pelo velho Conde de Stackelberg, que lhe deu uma mansão, muitas joias e uma carruagem com os cavalos. Surgiu um boato que Marie seria parecida com a filha do velho conde, daí o motivo de tanta generosidade.

Marie tinha vinte quando conheceu Dumas Filho, no Teatro de Variedades. Dumas, vestido na última moda, refinado, o rapaz logo atraiu seus olhares. Apaixonaram-se sinceramente. Mas, em 1845, Dumas escreveu a Marie uma carta que dizia que eles tinham que romper, pois ele não era rico para amá-la como ele gostaria, e nem pobre para ser amado da forma que ela desejava.

Marie partiu para a Inglaterra onde casou-se com o Conde Édouard de Perregaux. O casamento durou pouco.

MORTE
Tuberculosa, Marie voltou para Paris e para a antiga vida mundana. A doença se agravou seriamente. Morreu aos 23 anos, sem dinheiro e com a beleza destruída pela enfermidade.

Fonte: pt.wikipedia.org
Formatação: Helio Rubiales

16 de jun de 2019

SAMUEL WILSON (Tio Sam) - Arte Tumular - 1457 - Cemitério Oakwood Troy , Condado de Rensselaer , Nova Iorque , EUA


PERSONIFICAÇÃO DO TIO SAM






ARTE TUMULAR
Um broco de granito retangular bruto marca a lapide com uma placa de bronze encimada por uma águia com o seu nome e datas, destacando o reconhecimento oficial de o pai do simbolismo "Tio Sam". No solo placas de mármore com o seu nome e de sua esposa gravados.

Local:   Cemitério Oakwood Troy , Condado de Rensselaer , Nova Iorque , EUA
              
Fotos: Find a Grave e Wikipedia
Descrição tumular: Helio Rubiales



PERSONAGEM
Samuel Wilson (Arlington, 13 de setembro de 1766 — Troy, 31 de julho de 1854) foi um comerciante americano que supostamente serviu de inspiração à personificação dos Estados Unidos conhecida como "Tio Sam" (Uncle Sam).

SINOPSE HISTÓRICA
Na época da Guerra anglo-americana de 1812, Wilson obteve um contrato de fornecimento de carne para o Exército dos Estados Unidos, que ele enviava em barris. Como propriedade do governo, os barris eram marcados com as iniciais "U.S." (de United States), que os soldados jocosamente diziam pertencer ao Uncle Sam. Com o tempo, acredita-se que tudo marcado com as mesmas iniciais também passou a ser ligado ao nome, que caiu em uso popular.

Uma resolução do Congresso dos Estados Unidos, aprovada em 15 de setembro de 1961, reconheceu oficialmente Sam Wilson como o pai do símbolo "Tio Sam".

MORTE
Samuel Wilson morreu em 31 de julho de 1854, aos 87 anos. Ele foi originalmente enterrado no Monte. Ida Cemetery, mas depois transferido para o Oakwood Cemetery em Troy. Monumentos marcam sua cidade natal em Arlington, Massachusetts , e local de sepultamento em Troy, Nova York.

Fonte: pt.wikipedia.org
Formatação: Helio Rubiales