“MEMENTO, HOMO, QUIíA PULVIS ES ET IN PULVEREM REVERTERIS. ”

''REVERTERE AD LOCVM TVVM'

'Retornarás de onde vieste'


ARTE TUMULAR

Existe um tipo de arte que poucas pessoas conhecem, a chamada arte tumular. Deixando-se de lado o preconceito e a superstição, encontraremos nos cemitérios, trabalhos esculpidos em granito, mármore e bronze de personalidades que marcaram época. É um verdadeiro acervo escultórico e arquitetônico a céu aberto, guardando os restos mortais de muitas personalidades imortais de nossa história, onde a morte se torna um grande espetáculo da vida neste lugar de maravilhosas obras de arte e de grande valor histórico e cultural. Através da representação, a simbologia de saudades, amor, tristeza, nobreza, respeito, inocência, sofrimento, dor, reflexão, arrependimento, dá sentido às vidas passadas. No cemitério, a arte tumular é uma forma de cultura preservada no silencio e que não deverá ser temida, mas sim contempladas.



PESQUISAR: COLOQUE O NOME DO PERSONAGEM

22 de ago de 2017

JERRY LEWIS - Arte Tumular - 1140 - Cremado


CREMADO
Seu corpo foi cremado e as cinzas entregues à família 





Jerry Lewis
Jerry Lewis em 2009.
Nome completoJoseph Levitch
Nascimento16 de março de 1926
NewarkNova Jersey
Nacionalidadenorte-americano
Morte20 de agosto de 2017 (91 anos)
Las VegasNevada
OcupaçãoAtor
Roteirista
Diretor
Produtor
Cantor
Filantropo
Atividade1940 – 2017
CônjugePatti Palmer
(1944–1980; 6 filhos)
SanDee Pitnick
(1983–2017; 1 filho)
Festival de Veneza
Prémio de Honra - Leão de Ouro
1999

PERSONAGEM
Jerry Lewis, nome artístico de Joseph Levitch (Newark, 16 de março de 1926 - Las Vegas, 20 de agosto de 2017), foi um comediante, roteirista, produtor, diretor e cantor norte-americano.
Morreu aos 91 anos

SINOPSE ARTÍSTICA
Tornou-se famoso por suas comédias estilo pastelão feita nos palcos, filmes, programas de rádio e TV e em suas músicas.

Lewis também é conhecido por seu programa beneficente anual, o Jerry Lewis MDA Telethon, com o objetivo de ajudar crianças com distrofia muscular. Lewis ganhou vários prêmios honorários incluindo os do American Comedy Awards, The Golden Camera, Los Angeles Film Critics Association e do Festival de Venice, além de ter duas estrelas na Calçada da Fama.

Em 2005, recebeu o Governors Award da Academia de Artes e Ciências Televisivas. Em fevereiro de 2009, Lewis recebeu da Academia de Artes e Ciências Cinematográficas o Jean Hersholt Humanitarian Award, o Oscar Humanitário.

Lewis também foi creditado como inventor do vídeo assist system, com o objetivo de ter mais visibilidade como ator e diretor ao mesmo tempo durante uma gravação de um filme (algumas pessoas ainda duvidam disso até hoje).

Dupla: Jerry Lewis e Dean Martin

Lewis também fez parceria com o cantor e ator Dean Martin em 1946, formando a dupla Martin e Lewis. Além de terem feito sucesso em casas de shows, a dupla também emplacou fazendo filmes para a Paramount. Os dois se separaram dez anos depois.

SINOPSE BIBLIOGRÁFICA
Joseph Levitch nasceu em Newark, Nova Jersey, numa família de judeus russos. Seu pai, Daniel Levitch, era mestre de Cerimônias e ator de vaudeville, e usava o nome Danny Lewis como nome artístico. Sua mãe, Rachel "Rae" Brodsky, era pianista de uma rádio.

Lewis começou a atuar aos cinco anos, e aos quinze tinha descoberto o seu talento, em que consistia em dublar canções em um fonógrafo. Primeiramente, ele iria usar como nome artístico o nome "Joey Lewis", mas depois acabou mudando para "Jerry Lewis" para evitar confusões com o nome de outro comediante, Joe E. Lewis, e com o do campeão de boxe, Joe Louis.

Ele se formou na Irvington High School em Irvington na Nova Jersey.

VIDA PESSOAL

*Lewis casou duas vezes:
-Primeira esposa: Patti Palmer (nome artístico de Esther Calonico). Palmer foi cantora e tinha trabalhado com Ted Fio Rito, e depois com Lewis quando os dois tinham se conhecido. Lewis só foi trabalhar solo e depois com Dean Martin, quando Palmer ficou grávida do primeiro filho. O casal casou-se no dia 3 de outubro de 1944 e separou-se em setembro de 1980.

-Segunda esposa: SanDee Pitnick. Casaram-se no dia 13 de fevereiro de 1983. Lewis na época tinha 56 anos. Os dois casaram-se em Key Biscayne, na Flórida. À época, SanDee tinha 32 anos e era dançarina.

*Lewis teve seis filhos no primeiro casamento, e uma filha no segundo:

-Gary Harold Lee Levitch (31 de julho de 1945). O nome de Gary foi legalmente mudado para Gary Lewis. Gary entrou no mundo musical na década de 1960, como vocalista da banda Gary Lewis & the Playboys

-Ronald Lewis (adotado em julho de 1950)

-Scott Lewis (fevereiro de 1956)

-Christopher Joseph Lewis (outubro de 1957)

-Anthony Lewis (outubro de 1959)

-Joseph Lewis (janeiro de 1964 – 24 de outubro de 2009). Morreu de overdose de drogas aos 45 anos.

-Danielle Sarah Lewis (adotada em março de 1992)

Lewis viveu seus últimos anos em Las Vegas, Nevada. Na eleição presidencial nos Estados Unidos em 2016, manifestou apoio ao candidato eleito Donald Trump.



PROBLEMAS DE SAÚDE
Lewis sofreu por anos de dores nas costas, decorrentes de uma queda que quase o deixou paralisado durante uma apresentação no Sands Hotel, em Las Vegas em 1965.
Acabou se viciando em Percodan, para aliviar a dor,  mas dizia que desde 1978 estava longe dos remédios.
Em abril de 2002, Lewis passou por uma cirurgia para implantar um neuroestimulador (Medtronic) para reduzir o desconforto e as dores crônicas que sentia. Lewis tornou-se um dos porta-vozes da Medtronic.
Em dezembro de 1982, Lewis tinha sofrido um sério ataque cardíaco e um menos grave anos depois, em 2006, enquanto voava de Nova York para Califórnia.
Nesta época foi descoberto que Lewis tinha desenvolvido um quadro de pneumonia, e também foi constatado que tinha um coração frágil. Ele passou por um cateterismo cardíaco, e dois stents foram colocados em uma de suas artérias, a qual estava 90% bloqueada. A cirurgia foi um sucesso e fez com que o coração voltasse a bombear sangue regularmente. Contudo, isso repercutiu em problemas posteriores. O cateterismo fez com que Lewis cancelasse vários compromissos, mas a sua recuperação foi ótima.
Em 1999, sua tour na Austrália foi cancelada quando Lewis foi hospitalizado em Darwin com meningite viral. Ficou doente por mais de cinco meses. A imprensa australiana, na época, afirmara que Lewis tinha se recusado a pagar seu tratamento, mas Lewis afirmou que a confusão com o pagamento foi culpa do seu plano de saúde. Todo esse problema fez com que Lewis processasse a sua seguradora.
Lewis combateu um câncer de próstata, diabetes, e fibrose pulmonar, e teve dois ataques cardíacos. O tratamento com Prednisona contra a fibrose pulmonar fez com que Lewis ganhasse peso, mudando totalmente a sua aparência. Em setembro de 2001, Lewis ficou sem condições de aparecer em um evento beneficente produzido pelo comediante Steve Alan Green no London Palladium. Alguns meses depois, Lewis se submeteu a uma longa reabilitação, que o impediu de voltar a trabalhar.
Em 12 de junho de 2012, ele foi tratado no hospital após um episódio de hipoglicemia no evento de Nova York Frades' Club. Este episódio de saúde fragilizada obrigou-o a cancelar um espetáculo em Sydney, Austrália.

MORTE
Faleceu na manhã do dia 20 de agosto de 2017 em sua casa em Las Vegas, aos 91 anos, de causas naturais.

Fonte: pt.wikipedia.org
Formatação: Helio Rubiales

Nenhum comentário: