“MEMENTO, HOMO, QUIíA PULVIS ES ET IN PULVEREM REVERTERIS. ”



ARTE TUMULAR

Existe um tipo de arte que poucas pessoas conhecem, a chamada arte tumular. Deixando-se de lado o preconceito e a superstição, encontraremos nos cemitérios, trabalhos esculpidos em granito, mármore e bronze de personalidades que marcaram época. É um verdadeiro acervo escultórico e arquitetônico a céu aberto, guardando os restos mortais de muitas personalidades imortais de nossa história, onde a morte se torna um grande espetáculo da vida neste lugar de maravilhosas obras de arte e de grande valor histórico e cultural. Através da representação, a simbologia de saudades, amor, tristeza, nobreza, respeito, inocência, sofrimento, dor, reflexão, arrependimento, dá sentido às vidas passadas. No cemitério, a arte tumular é uma forma de cultura preservada no silencio e que não deverá ser temida, mas sim contempladas.



INICIE A MUSICA

PESQUISAR: COLOQUE O NOME DO PERSONAGEM

3 de mai de 2009

ANDRÉ-MARIE AMPÈRE- Arte Tumular -228 - Cimetiere de Montmartre ,Paris, France




ARTE TUMULAR
Base tumular em mármore retangular, com dois níveis formando um ângulo, com uma cruz latina na parte central.  Na cabeceira tumular, também em mármore, ergue-se a lápide em  formato retangular  e estilo clássico com o nome do pai e filho gravados. Encimando os nomes, dois relevos circulares esculpidos em bronze da cabeça dos dois.
Local: Cimetiere de Montmartre ,Paris, France
               Plot: Division 30
Fotos : Wikipédia e Mademoiselle
Descrição Tumular: Helio Rubiales
PERSONAGEM
André-Marie AMPÈRE (Polémieux-au-Mont-d'Or, 20 de Janeiro 1775 — Marselha, 10 de Junho1836) foi um físico, filósofo, cientista e matemático francês que fez importantes contribuições para o estudo do electromagnetismo.
Morreu aos 61 aos de idade.
BIOGRAFIA
Nasceu, na França em 1775. Foi professor de Análise na Escola Politécnica de Paris e no Collège de France. Em 1814 foi eleito membro da Academia de Ciências. Ocupou-se com vários ramos do conhecimento humano, deixando obras de importância, principalmente no domínio da física e damatemática. Partindo das experiências feitas pelo dinamarquês Hans Christian Oersted sobre o efeito magnético da corrente elétrica, soube estruturar e criar a teoria que possibilitou a construção de um grande número de aparelhos eletromagnéticos. Além disso descobriu as leis que regem as atrações e repulsões das correntes elétricas entre si. Idealizou o galvanômetro, inventou o primeiro telégrafo elétrico e, em colaboração com Arago, o electroíman.
Entre suas obras, deixou por terminar Ensaio sobre a filosofia das Ciências, na qual iniciou a classificação do conhecimento do homem. Publicou Recueil d'Observations électro-dynamiques;La théorie des phénomènes électro-dynamiques; Précis de la théorie des phénomènes électro-dynamiques; Considérations sur la théorie mathématique du jeu; Essai sur la philosophie des sciences.
Em sua homenagem, foi dado o nome de ampère (símbolo: A ) à unidade de medida da intensidade de corrente elétrica.
O seu filho Jean-Jacques Ampère (1800-1864) foi filólogo, erudito, viajante e historiador literário françes
Fonte: pt.wikipedia.org
Formatação e  pesquisa : Helio Rubiales

Nenhum comentário: