“MEMENTO, HOMO, QUIíA PULVIS ES ET IN PULVEREM REVERTERIS. ”



ARTE TUMULAR

Existe um tipo de arte que poucas pessoas conhecem, a chamada arte tumular. Deixando-se de lado o preconceito e a superstição, encontraremos nos cemitérios, trabalhos esculpidos em granito, mármore e bronze de personalidades que marcaram época. É um verdadeiro acervo escultórico e arquitetônico a céu aberto, guardando os restos mortais de muitas personalidades imortais de nossa história, onde a morte se torna um grande espetáculo da vida neste lugar de maravilhosas obras de arte e de grande valor histórico e cultural. Através da representação, a simbologia de saudades, amor, tristeza, nobreza, respeito, inocência, sofrimento, dor, reflexão, arrependimento, dá sentido às vidas passadas. No cemitério, a arte tumular é uma forma de cultura preservada no silencio e que não deverá ser temida, mas sim contempladas.



INICIE A MUSICA

PESQUISAR: COLOQUE O NOME DO PERSONAGEM

12 de fev de 2015

MAUSOLÉU DA ACADEMIA BRASILEIRA DE LETRAS - Cemitério São João Batista, Botafogo, Rio de Janeiro, Brasil



Mausoléu - Foto: Ivo Korytowski

Túmulos - Foto: Emanuel Messias


Interior do Mausoléu - Foto: Emanuel Messias

Esta lista contém as 40 cadeiras e seus respectivos patronos, fundadores e sucessores de acordo com a listagem oficial da Academia Brasileira de Letras.


Machado de Assis ao lado de outros literatos brasileiros, em foto de 1890.
Em pé: Rodolfo Amoedo, Artur Azevedo, Inglês de Sousa, Olavo Bilac, José Veríssimo, Sousa Bandeira, Filinto de Almeida, Guimarães Passos, Valentim Magalhães, Rodolfo Bernadelli, Rodrigo Octavio e Heitor Peixoto.
Sentados: João Ribeiro, Machado de Assis, Lúcio de Mendonça e Silva Ramos.


CadeiraPatronoFundadorSucessores
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31
32
33
34
35
36
37
38
39
40



Visita ao Mausoléu, veja como é por dentro e alguns tumulos


Fonte:pt.wikipedia.org
Formatação: Helio Rubiales

Nenhum comentário: