“MEMENTO, HOMO, QUIíA PULVIS ES ET IN PULVEREM REVERTERIS. ”



ARTE TUMULAR

Existe um tipo de arte que poucas pessoas conhecem, a chamada arte tumular. Deixando-se de lado o preconceito e a superstição, encontraremos nos cemitérios, trabalhos esculpidos em granito, mármore e bronze de personalidades que marcaram época. É um verdadeiro acervo escultórico e arquitetônico a céu aberto, guardando os restos mortais de muitas personalidades imortais de nossa história, onde a morte se torna um grande espetáculo da vida neste lugar de maravilhosas obras de arte e de grande valor histórico e cultural. Através da representação, a simbologia de saudades, amor, tristeza, nobreza, respeito, inocência, sofrimento, dor, reflexão, arrependimento, dá sentido às vidas passadas. No cemitério, a arte tumular é uma forma de cultura preservada no silencio e que não deverá ser temida, mas sim contempladas.



INICIE A MUSICA

PESQUISAR: COLOQUE O NOME DO PERSONAGEM

16 de dez de 2008

IMPERADORES ROMANOS : Lista

Esta lista dos imperadores romanos indica a data em que estes controlaram o Império Romano até a queda do Império do Ocidente.
Note-se que, diferentemente do que o senso comum sugere, Júlio César nunca foi princeps e portanto não é considerado imperador romano , ainda que tivesse sido nomeado ditador vitalício em 45 a.C. (apesar de terem existido outros ditadores romanos antes dele) e, ainda, apesar de alguns historiadores romanos assim o designarem. Por outro lado, o nome César tornou-se nome de família da primeira dinastia, sendo usado como um título, mantendo-se essa tradição por todo o império. Suetónio, por exemplo, fala dos "Doze Césares, incluindo as duas primeiras dinastias e o próprio Júlio César, que sem o ter sido era já, quase lendariamente, o primeiro imperador romano.
Os títulos conferidos ao imperador ou assumidos por ele, indicados no nome imperial e na coluna de notas nas tabelas, incluem:
Imperator: 'Comandante'
Pater Patriae: 'Pai da Pátria'
Pontifex Maximus: 'Pontífice Máximo'

Julio-Claudianos

Crise: ano dos quatro imperadores

Flavianos ou Dinastia Flaviana

Antoninos: Cinco bons imperadores

Dinastia dos Severos

Governantes na Anarquia militar

Tetrarquia Imperial

Casa de Constantino

Dinastia Valentiniana

Casa de Teodósio

Império do Ocidente

Seguiram-se os reis bárbaros de Roma.

Império do Oriente

SEGUIRAM OS IMPERADORES BIZANTINOS
Fonte: tiosan.org e pt.wikipedia.org

Nenhum comentário: